rss
email
twitter
facebook

15 abril 2007

No Limite

Qual o limite da tolerância? Quanto a pessoa pode, ou deve, tolerar antes de começar a dar esporros por aí?
Saber entender as situações e as pessoas é uma virtude que facilita o convívio - aliás, todos eles - mas quando passa de predicado a empecilho? Até onde a pessoa deve relevar as coisas que a incomodam em nome do bem do outro? Quando é hora de começar a se impor?
Quero saber onde se traça a linha que divide os tolerantes dos trouxas que aguentam tudo calados para sempre.
Alguém desenhe um mapa.

1 comentários:

Nádia disse...

Credo, que mau-humor!